domingo, 20 de setembro de 2020
Tamanho da fonte A+ A-

Futebol Profissional

PONTO IMPORTANTE FORA DE CASA

Luis Henrique defende pênalti e NIFC empata na estreia da B1

O goleiro Luis Henrique teve uma estreia para ninguém colocar defeito: defendeu uma penalidade e garantiu o empate do Nova Iguaçu contra o Bonsucesso, na tarde deste sábado (19), pela primeira rodada da Taça Corcovado, no Estádio Giulite Coutinho. Com O 0 A 0 no placar, o time do técnico Hermes Junior garantiu o primeiro ponto no Grupo B da competição.

Nova Iguaçu pressiona no início, mas cede e vê adversário equilibrar o jogo

O Nova Iguaçu, mesclado de jogadores com certa experiência e peças mais jovens, iniciou a jornada na Série B1 marcando presença no setor ofensivo. O Orgulho da Baixada foi valente, apresentou bom volume de jogo e criou as melhores oportunidades da primeira etapa. Porém, nada que fosse suficiente para bater o goleiro Léo Flores.

Após um início pouco contundente, o Bonsucesso se lançou ao ataque e conseguiu equilibrar o duelo. Tanto que aos 31 minutos, a equipe mandante teve uma penalidade a seu favor. Contudo, o goleiro Luis Henrique defendeu a cobrança de Jackson e garantiu o zero no marcador. No detalhe da cobrança, o camisa 9 parou nas mãos do arqueiro e, depois, a bola ainda tocou no travessão.

Nova Iguaçu dita ritmo do segundo tempo, mas empate permanece até apito final

O segundo tempo do embate contou novamente com um amplo domínio da equipe visitante. O time comandado por Hermes Junior voltou do intervalo repleto de jovens, dentre eles, Gustavo e Ewerton, que, na ponta direita, levou perigo ao time azul e vermelho. Logo aos cinco minutos, o camisa 18 cruzou rasteiro e por pouco não contou com a falha de Léo Flores. Aos 13 minutos, foi a vez de Ewerton cabecear com perigo. Porém, sem a eficácia necessária para inaugurar o placar. No terceiro quarto de partida, o NIFC tornou a criar as melhores chances: uma em chute de fora da área de Künzel e a outra em arremate de Ewerton, contando com a boa defesa do goleiro.

A retaguarda laranja não teve muito trabalho para neutralizar as ações adversárias, mostrando-se compacta e disposta taticamente. O Nova Iguaçu ainda viu a entrada de Canela, que acelerou ainda mais a partida. Entretanto, o empate seguiu até o final.

Na sequência da Taça Santos Dumont, o Nova Iguaçu encara o Campos, no Laranjão, na próxima quarta-feira (23), às 15h. Todos os jogos contam com a cobertura em tempo real no nosso Twitter.