segunda-feira, 24 de dezembro de 2018
Tamanho da fonte A+ A-

Futebol Profissional

Estreantes decisivos

Lucas Campos e Edu comentam emoção de marcar logo na estreia pelo Nova Iguaçu

O Nova Iguaçu começou sua trajetória na fase preliminar do Campeonato Carioca de 2019 com uma equipe repleta de estreantes, e foram eles que acabaram decidindo a vitória diante do Goytacaz por 2 a 1 no último sábado, no Estádio Laranjão. Lucas Campos, no primeiro tempo, e Edu, no começo da etapa final, fizeram os gols do triunfo do Orgulho da Baixada, que já ocupa a liderança.

Contratado com enorme expectativa e esperança de gols da torcida, Edu acabou decidindo a parada. É bem verdade que, no primeiro tempo, ele teve uma chance clara de abrir o placar e perdeu um gol que não costuma perder. Mas, na segunda oportunidade que teve, não desperdiçou. Aproveitou o cruzamento certeiro de Lucas e, de cabeça, ainda contou com um desvio na zaga para balançar as redes.

Lucas Campos comemora com Edu o primeiro gol do Nova Iguaçu (FOTO: Bernardo Gleizer/NIFC)

- Tinha consciência da responsabilidade quando cheguei aqui. Nos últimos três, quatro anos sempre fui artilheiro do time, quando cheguei vim com essa bagagem e Deus me abençoou. O mais importante foi a vitória, mas o gol foi a cereja do bolo. Foram dois meses e meio de trabalho, muito calor, mas o grupo é extraordinário. Trabalhamos muito, adotamos a filosofia do treinador, todos abraçaram o trabalho e graças a Deus deu tudo certo – celebrou Edu.

Quem abriu o caminho para a vitória laranja foi o baixinho Lucas Campos, de 21 anos, que veio por empréstimo do Botafogo. Ainda no começo do jogo, ele recebeu um lindo lançamento de Rodrigo Yuri, dominou com calma, fintou Erick Daltro e chutou de canhota, no cantinho. Foi o primeiro gol dele como jogador profissional, logo em seu primeiro jogo pelo Orgulho da Baixada.

- Fico muito feliz por ter feito meu primeiro gol como profissional. Vim para o Nova Iguaçu com o objetivo de ajudar, ser artilheiro e dar assistências. Será o primeiro de muitos, se Deus quiser. O Nova Iguaçu me acolheu muito bem, fiz muitas amizades. Esse gol me dará confiança para o restante do campeonato. Foi o trabalho de toda equipe, agora é continuar na mesma pegada no próximo jogo – afirmou Lucas Campos.

Com três pontos e na primeira posição da fase preliminar pelos critérios de desempate, o Nova Iguaçu agora terá uma sequência de dois jogos fora de casa, no Norte Fluminense. No próximo sábado, o Orgulho da Baixada encara o Macaé, às 16h, no Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo. Depois, no dia 6, o compromisso será diante do Americano, no Estádio Antônio Ferreira de Medeiros, em Cardoso Moreira.

Bernardo Gleizer