sábado, 03 de novembro de 2018
Tamanho da fonte A+ A-

Infantil B

Dobradinha e subida

Sub-13 e sub-14 vencem Madureira e ultrapassam o Flamengo na Taça Rio

O Nova Iguaçu conquistou na manhã deste sábado mais um excelente resultado na disputa do Campeonato Metropolitano Sub-13 e Sub-14. Sob forte calor no Centro de Treinamento do Orgulho da Baixada, a garotada conseguiu sua terceira dobradinha na Taça Rio Série Ouro, desta vez diante do Madureira, com duas vitórias por 2 a 0.

Com o resultado, o Nova Iguaçu conseguiu inclusive ultrapassar o Flamengo na classificação geral, que soma as duas categorias: o Orgulho da Baixada tem 23 pontos, contra 21 dos rubro-negros, que, entretanto, têm três jogos a menos. De qualquer maneira, foi um passo importante para atingir as quartas de final. No próximo sábado, o Nova Iguaçu volta a jogar em casa, desta vez diante do Botafogo.

No primeiro jogo da rodada dupla, a equipe sub-13 do Nova Iguaçu teve maior domínio do jogo. Leonardo, duas vezes, e depois Leanderson tiveram boas chances de abrir o placar. A bola só vazou a meta do Madureira no final da primeira etapa. Aos 35 minutos, Matheus cobrou falta, Kauã Santos cabeceou, o goleiro Leonardo defendeu e, no rebote, Kauã Vilas não desperdiçou: 1 a 0.

A vitória laranja foi sacramentada no segundo tempo, aos 22 minutos. Após bola lançada, Kaio ajeitou para trás e o artilheiro Matheus encheu o pé, marcando seu 16º gol no torneio: 2 a 0. A equipe comandada pelo técnico Carlos Romão jogou com João; Kauã Ferreira (Alessandro), Kauã Santos, David (Luiz Alberto) e Kauã Vilas (Allan Guilherme); Jonathan, Guilherme (Pedro Henrique) e Leanderson (João Pedro); João Vitor (Kaio), Matheus e Leonardo.

Na segunda partida, as equipes sub-14 de Nova Iguaçu e Madureira travaram um duelo mais equilibrado. Depois de um primeiro tempo sem muitas emoções, o Orgulho da Baixada conseguiu a vitória já na parte final da segunda etapa. Aos 26 minutos, o lateral Gabriel acertou um belo chute de fora da área, que o goleiro Matheus William não conseguiu segurar: 1 a 0.

O Madureira foi para o ataque buscando o empate, e aí o Nova Iguaçu aproveitou o contra-ataque. Nos acréscimos, Matheus Nunes saiu livre da intermediária e tocou na saída do goleiro, fechando a conta em 2 a 0. A equipe do técnico Figueiredo jogou com Túlio; Luiz Fernando (Ramos), Kayke, Zé Carlos e Gabriel; Érik (Lázaro), Isaque (Lucas Silveira) e Luquinhas (Nathan Henrique); Breno (Roger), Cauã (Kaike Silva) e Carlos Vinicius (Matheus Nunes).

Bernardo Gleizer