domingo, 04 de fevereiro de 2018
Tamanho da fonte A+ A-

Futebol Profissional

Merecia um ponto

Gol nos acréscimos decreta derrota do Nova Iguaçu para o Flamengo em Brasília

O Nova Iguaçu fez um grande segundo tempo, mas sofreu um gol no último lance e acabou derrotado pelo Flamengo por 1 a 0 neste domingo, no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília. O Orgulho da Baixada ficou em quarto lugar no Grupo B, com cinco pontos, sem a vaga nas semifinais, mas com a chance de conquistar o bicampeonato do Quadrangular Extra da Taça Guanabara.

Precisando da vitória para seguir com chances de classificação, o Nova Iguaçu começou bem postado na defesa. O Flamengo, mesmo já classificado e em primeiro, veio com a força máxima e impôs dificuldades. Mas só conseguiu assustar depois dos 25 minutos. Na primeira boa chance, Éverton Ribeiro fez jogada individual e obrigou o goleiro Jefferson a fazer boa defesa.

Raphael Neuhaus ganha disputa no alto com o atacante Lincoln (FOTO: Bernardo Gleizer/NIFC)

O Nova Iguaçu passou a aproveitar bem os contra-ataques, e aos 34 minutos Wescley aproveitou uma raspada de Adriano, avançou e chutou à direita do gol. No fim, duas chegadas perigosíssimas do Flamengo. Aos 37, Lincoln finalizou e Raphael Neuhaus tirou em cima da linha. Depois, aos 41, Lincoln recebeu de Éverton Ribeiro e chutou para uma defesaça de Jefferson.

No segundo tempo, o panorama foi outro. O Nova Iguaçu teve um controle maior do jogo, e o Flamengo passou a criar menos. Logo aos oito minutos, Adriano recebeu na entrada da área, limpou e emendou um ótimo chute, que desviou na defesa e saiu por cima. A equipe laranja conseguia ter a posse da bola e explorava bem os lados do campo.

Mas, aos 35 minutos, o árbitro Alexandre Vargas Tavares de Jesus exagerou ao aplicar o segundo cartão amarelo no volante Vinicius, deixando o Nova Iguaçu com um a menos. O Flamengo foi para cima e conseguiu o gol da vitória praticamente no último lance, num lance de raríssima felicidade: Rhodolfo acertou uma bomba do meio da rua e decretou o placar final de 1 a 0.

FICHA TÉCNICA
NOVA IGUAÇU 0 X 1 FLAMENGO

Local: Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data-Hora: 4/2/2018 – 17h
Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus
Auxiliares: Eduardo de Souza Couto e João Luiz Coelho de Albuquerque
Renda e público: R$ 694.980,00 / 16.088 pagantes
Cartões amarelos: Wescley, Vinicius e Adriano (NOV); Rhodolfo e Marlos Moreno (FLA)
Cartões vermelhos: Vinicius 35′/2ºT (NOV)
Gols: Rhodolfo 48′/2ºT (0-1)

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Wallace, Raphael Neuhaus, Murilo Henrique e Lucas; Vinicius, Paulo Henrique e Caio Cezar (Daniel 30′/2ºT); Wescley (Vinicius Paquetá 39′/2ºT), Jonathan (Robinho 13′/2ºT) e Adriano – Técnico: Edson Souza.

FLAMENGO: Cesar; Pará (Rodinei – Intervalo), Rhodolfo, Juan e Renê; Cuéllar, Lucas Paquetá e Diego (Marlos Moreno 25′/2ºT); Éverton Ribeiro, Everton e Lincoln (Vinicius Junior 15′/2ºT) – Técnico: Paulo César Carpegiani.

Bernardo Gleizer