terça-feira, 09 de janeiro de 2018
Tamanho da fonte A+ A-

Futebol Profissional

Erros fatais

Nova Iguaçu perde para o Batatais e é eliminado da Copa São Paulo

O Nova Iguaçu parou em seus próprios erros e acabou eliminado precocemente da Copa São Paulo de Juniores. Na noite desta terça-feira, a Laranja da Baixada perdeu para o Batatais, atual vice-campeão, por 4 a 2, no Estádio Sócrates Stamato, em Bebedouro, e terminou na terceira colocação do Grupo 12, com os mesmos quatro pontos do adversário, mas atrás no saldo de gols.

O Orgulho da Baixada fechou sua participação com uma vitória (1 a 0 sobre o Cruzeiro, atual campeão brasileiro da categoria e classificado em primeiro lugar, com seis pontos), um empate (o 0 a 0 na estreia diante da Inter de Bebedouro, equipe-sede) e uma derrota (para o Batatais). Agora, é pensar no Carioca Sub-20, que começa já no próximo dia 27 de janeiro.

Precisando pelo menos do empate para se classificar, o Nova Iguaçu já começou atrás no placar. Logo no primeiro minuto, após escanteio que veio da esquerda, Victor Rafael testou no segundo pau e colocou o Batatais em vantagem. Depois, o jogo só teve um time: o Nova Iguaçu começou a atacar em busca do empate, enquanto o Batatais se fechou como pôde para se defender.

Tocando bem a bola e explorando as laterais do campo, o Nova Iguaçu enfileirou chances perdidas. Aos 18, Gustavo apareceu livre para cabecear após cruzamento de Vitor Félix, mas a bola saiu. No minuto seguinte, Nael recebeu a bola na linha de fundo e rolou para trás, mas Gustavo acabou errando o chute, com a bola acertando o lado de fora da rede. Duas oportunidades claríssimas.

O Nova Iguaçu seguiu em cima. Aos 26 minutos, Formiga fez excelente jogada pela direita e Gustavo, novamente de cabeça, desviou para fora. A bola teimava em não entrar. Passava pela área, mas não encontrava os pés dos jogadores do Nova Iguaçu. Até que, nos acréscimos, o empate saiu. Formiga cruzou da direita e Nael subiu no terceiro andar para testar com firmeza: 1 a 1.

Mas a parte ruim da história se repetiu no segundo tempo. Com menos de um minuto, falta lateral para o Batatais e Lucas Gaspar, de cabeça, recolocou os paulistas na frente. O Nova Iguaçu foi buscar novamente o empate, mas parou nos próprios erros. E ainda teve de esperar 11 minutos sem atuar, período em que o jogo ficou paralisado por conta da saída de uma ambulância do estádio.

O Nova Iguaçu não conseguiu criar boas chances e ainda sofreu com mais erros. Aos 39 minutos, Leo fez o terceiro para o Batatais, em contra-ataque. Aos 45, erro na saída de bola do Nova Iguaçu e mais um gol dos paulistas. Nael, aproveitando ótima jogada de Andrey e driblando o goleiro, fez o segundo dele e diminuiu o prejuízo, aos 50 minutos. Mas foi tarde demais: 4 a 2 para o Batatais.

FICHA TÉCNICA
BATATAIS 4 X 2 NOVA IGUAÇU

Local: Estádio Sócrates Stamato, em Bebedouro (SP)
Data-Hora: 9/1/2018 – 18h
Árbitro: Paulo Estevão Alves da Silva (SP)
Auxiliares: Ricardo Ferreira da Cruz (SP) e Gustavo Cesar Pedrozo (SP)
Cartões amarelos: Thales Henrique, Luis Otavio e Lucas (BAT); Ronald (NOV)
Cartões vermelhos: -
Gols: Victor Rafael 1′/1ºT (1-0), Nael 46′/1ºT (1-1), Lucas Gaspar 46″/2ºT (2-1), Leo 39′/2ºT (3-1), Thales Henrique 45′/2ºT (4-1) e Nael 50′/2ºT (4-2)

BATATAIS: João Pedro; Lucas, Filipe Pego, Leonardo Paulo e Richard; Luis Otavio, Enzo (Lucas Gaspar – Intervalo) e Thales Henrique; Thales (Pedro Marcos 36′/1ºT, depois Leo 26′/2ºT), Adonias (Robinson 17′/2ºT) e Victor Rafael – Técnico: Ari César.

NOVA IGUAÇU: Matheus Miranda; Formiga (Matheus Claudino 38′/2ºT), Nathan, Ronald e Menezes (França 27′/2ºT); Wellington, Patrick (Andrey 32′/2ºT) e Gustavo (Elias 27′/2ºT); Pedrinho, Vitor Félix (Juan 38′/2ºT) e Nael – Técnico: Jefter Percy.

Bernardo Gleizer