domingo, 19 de março de 2017
Tamanho da fonte A+ A-

Futebol Profissional

Tarde de orgulho

Nova Iguaçu tira invencibilidade do Fluminense e sonha alto no Carioca

O Nova Iguaçu está enchendo o povo da Baixada Fluminense de orgulho. Na tarde deste domingo, a Laranja da Baixada derrotou o Fluminense, campeão da Taça Guanabara, por 3 a 1, em Édson Passos, tirou a invencibilidade do adversário no Campeonato Carioca e se manteve com 100% de aproveitamento na Taça Rio, dividindo a liderança do Grupo B com o Flamengo.

Além disso, o Nova Iguaçu terminou a rodada na terceira colocação na classificação geral, com 12 pontos, o que renderia uma vaga nas semifinais do Carioca. De quebra, o Orgulho da Baixada garantiria no momento uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro de 2018. O Nova Iguaçu volta a campo na quarta-feira para receber a Portuguesa, às 15h30, no Laranjão.

Num palco que traz ótimas recordações, o Nova Iguaçu já começou na frente. Logo aos cinco minutos, Caio Cezar fez ótima jogada pelo lado direito e cruzou rasteiro, Wescley furou, mas Adriano conferiu e tocou por baixo do goleiro Diego Cavalieri: 1 a 0. O Fluminense, no entanto, logo respondeu. Pedro subiu sozinho na área e empatou de cabeça, aos 11 minutos: 1 a 1.

O Nova Iguaçu continuou bem no jogo, explorando a velocidade no ataque e contendo bem o ímpeto do time da casa. Jefferson fez grande defesa aos 31 minutos, em finalização de Osvaldo. E aos 37, o Orgulho da Baixada voltou a ficar na frente: Adriano apertou a marcação, tirou a bola de Nogueira e deslocou o goleiro Diego Cavalieri: 2 a 1.

Na segunda etapa, com a vantagem no marcador, o Nova Iguaçu soube explorar bem os contra-ataques. Logo aos cinco minutos, Adriano fez ótima jogada individual e acertou a trave. O Fluminense também chegou com perigo, com Pedro. Mas a Laranja da Baixada sacramentou a vitória aos 26 minutos: o capitão Paulo Henrique cobrou falta, Cavalieri espalmou e Nogueira fez contra. Assim foi a primeira vitória do Nova Iguaçu na história sobre o Flu!

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1 X 3 NOVA IGUAÇU

Local: Estádio Giulite Coutinho, em Édson Passos
Data-Hora: 19/3/2017 – 16h
Árbitro: Pathrice Wallace Correa Maia
Auxiliares: Jackson Lourenço Massarra dos Santos e Wallace Muller Barros Santos
Renda e público: R$ 38.255,00 / 1.958 pagantes / 2.449 presentes
Cartões amarelos: Reginaldo, Nogueira e Léo (FLU); Anderson, Paulo Henrique, Lucas, Vinicius Matheus e Simões (NOV)
Cartões vermelhos: -
Gols: Marlon 5′/1ºT (0-1), Pedro 11′/1ºT (1-1), Adriano 37′/1ºT (1-2) e Nogueira (contra) 24′/2ºT (1-3)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Mateus Norton, Reginaldo, Nogueira e Marquinhos Calazans; Orejuela, Wendel e Marquinho (Léo 30′/2ºT); Marcos Júnior (Maranhão 21′/2ºT), Osvaldo (Lucas Fernandes 15′/2ºT) e Pedro – Técnico: Abel Braga.

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Crispin (Vinicius Matheus 43′/1ºT), Simões, Murilo Henrique e Lucas; Anderson (Iuri Pimentel 13′/2ºT), Paulo Henrique e Caio Cezar (Renan Silva 33′/2ºT); Wescley, Marlon e Adriano – Técnico: Edson Souza.

Bernardo Gleizer