sábado, 11 de março de 2017
Tamanho da fonte A+ A-

Futebol Profissional

Pé direito!

Nova Iguaçu abre Taça Rio com vitória sobre o Bangu no Laranjão

O Nova Iguaçu começou a Taça Rio com o pé direito. Na rodada de abertura do segundo turno do Campeonato Carioca, o Orgulho da Baixada derrotou o Bangu por 2 a 1, neste sábado, no Laranjão, e assumiu a liderança do Grupo B, além de ter se mantido na sexta colocação na classificação geral. Wescley e Adriano, já na parte final do jogo, marcaram os gols do Nova Iguaçu.

Animado após conquistar o título do Quadrangular Extra da Taça Guanabara – torneio que reuniu os terceiros e quartos colocados dos grupos do primeiro turno -, o Nova Iguaçu fez valer o mando de campo e tomou a iniciativa do jogo. Tanto é que abriu o placar: aos 25 minutos, Adriano deu belo lançamento e Wescley tocou antes da saída do goleiro Marcio, marcando 1 a 0 no placar.

O Nova Iguaçu seguiu melhor no jogo e teve chances de ampliar o placar ainda no primeiro tempo. Aos 35 minutos, Paulo Henrique cobrou falta no travessão e arrancou aplausos da torcida iguaçuana, que compareceu em bom número ao Laranjão. Depois, Murilo Henrique quase marcou aproveitando rebote de bola alçada na área, já no final.

O domínio do Nova Iguaçu continuou no segundo tempo, enfileirando boas chances e jogadas. Aos 10 minutos, Marlon recebeu de Caio Cezar e chutou rasteiro, facilitando a defesa de Marcio. Cinco minutos depois, Marlon aproveitou enfiada de Adriano mas, na hora de chutar, foi desarmado. Como castigo, o Bangu conseguiu empatar, aos 22 minutos, com João Guilherme, de cabeça.

O gol dos visitantes fez o jogo ficar mais aberto. Mas o Nova Iguaçu não se abateu e foi buscar a vitória. Aos 34, Adriano acertou o travessão num lance confuso, em que a arbitragem marcou falta a favor do Bangu. Mas no minuto seguinte, o camisa 9 foi lá e recolocou o Nova Iguaçu em vantagem: ele recebeu lançamento de Renan Silva e mostrou seu faro de artilheiro para fazer 2 a 1. Foi o sexto gol dele no Carioca.

No final do jogo, o Bangu foi para o tudo ou nada e tentou explorar as jogadas aéreas, mas a defesa do Nova Iguaçu soube se segurar bem e garantir a terceira vitória em três jogos em casa na fase principal do Campeonato Carioca. O Orgulho da Baixada volta a campo no próximo domingo para encarar o Fluminense, campeão da Taça Guanabara, às 16h, em Édson Passos.

FICHA TÉCNICA
NOVA IGUAÇU 2 X 1 BANGU

Local: Estádio Laranjão
Data-Hora: 11/3/2017 – 15h30
Árbitro: Elton Azevedo
Auxiliares: Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá e Gilberto Stina Pereira
Renda e público: R$ 8.730,00 / 673 pagantes / 777 presentes
Cartões amarelos: Renan Silva (NOV); Denílson, Matheus Pimenta, Eroza, João Guilherme, Guilherme e Mauro Silva (BAN)
Cartões vermelhos: -
Gols: Wescley 25′/1ºT (1-0), João Guilherme 22′/2ºT (1-1) e Adriano 35′/2ºT (2-1)

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Crispin, Simões, Murilo Henrique e Lucas; Iuri Pimentel, Paulo Henrique (Anderson 25′/2ºT), Caio Cezar e Wescley (Renan Silva 32′/2ºT); Marlon (Patrick 22′/2ºT) e Adriano – Técnio: Edson Souza.

BANGU: Marcio; Thiaguinho, João Guilherme, Anderson Penna e Guilherme; Eroza, Denílson (Marcos Vinicius 38′/1ºT), Raphael Augusto e Leandro Chaves (Bruno Luiz – Intervalo); Matheus Pimenta e Loco Abreu (Mauro Silva 33′/2ºT) – Técnico: Roberto Fernandes.

Bernardo Gleizer